Novo Volkswagen Santana 2017 – O que esperar da volta do popular luxo da Volks?

Foi anunciado a volta do Volkswagen Santana para o mercado brasileiro em 2017. O carro foi muito popular no início dos anos 1980, mas deixou de ser comercializado no Brasil enquanto na China é um dos mais vendidos desde as primeiras gerações.  O lançamento do Novo Volkswagen Santana 2017 contará com grandes alterações visuais e mecânicas que devem agradar o consumidor brasileiro.

Apesar de o Volkswagen Santana ainda não ter dado as caras no Brasil e poucos dados terem sido divulgados pela marca, muitas previsões podem ser feitas levando em consideração as últimas versões comercializadas no mercado chinês, que recebeu atualizações anuais do modelo.

Novo Volkswagen Santana 2017

Novidades do Novo Volkswagen Santana 2017

santana-volksEm relação ao modelo antigo muita coisa vai mudar: a parte mecânica, visual, design e outros.  É um carro completamente novo, mas que levará o luxo e popularidade do nome que já fez muito sucesso e deverá ser reativado no Brasil em 2017.

Há cinco anos já havia acontecido o pronunciamento de que o Santana voltaria para o mercado brasileiro, mas desde a tirada de linha em 2006 nada aconteceu. Agora, o lançamento é certo para as concessionárias como uma proposta de substituição do Sedan Polo.

O carro será apresentado em três modelos: Trendline, Comfortline e Highline e seguindo as tendências que já aparecem no Up!, como a tecnologia TSI e manutenção um consumo de combustível agradável adequado as novas legislações.

O visual interno promete ser mais detalhado e bem acabado do que os carros mais simples da Volkswagen. Tudo indica que haverão possibilidades de ar-condicionado diferenciada, frisos nas portas, vários botões fugindo um pouco da simplicidade característica dos carros da Volks.

volkswagen-santana-interior-2017

Design externo

Por fora o visual não deve ficar muito diferente do que já existe na China com faróis grandes dando impressão de esportividade e bem comprido, de forma que acomode bem 5 adultos.

As mudanças em relação ao chinês de 2013 puxam o Santana 2017 para o visual do Jetta, devido a grande frontal, pára-choques e a tampa traseira alta.

novo-santana-2017

Claramente o carro que tem perspectivas de ser muito falado no Brasil em breve, a versão tem muita mais relação ao Chinês do que o que era vendido até o inicio dos anos 2000 com carroceria de quatro portas, motor 1.8 e visual “quadradão”.

As novas remodelações do Volkswagen Santana estão acontecendo desde 2012 e já foi inclusive visto ser testado nas ruas disfarçado de Jetta devido suas claras semelhanças.  No entanto, em 2014 o projeto foi engavetado devido a impossibilidade de condições para o lançamento no país –  já que o carro aliava um alto custo de produção.

Ficha técnica Santana 2017

Motor: EA 211 e motorização 1.6

Entre eixos: 2.60 metros

Consumo: 10 km/L na média de cidade/estrada à gasolina

Porta-malas: 450 litros

Potência: 120 cv

Motor

motor-ea-211Por debaixo do capô do Novo Volkswagen Santana 2017 as promessas são de um carro bastante potente, não muito econômico, mas que ofereça bastante conforto principalmente para permanecer bastante tempo dirigindo com o carro pesado.

Apesar de no passado a motorização ser 1.8 acredita-se que, para se adequar as novas leis de emissão e economia, o motor 1.6 caberá muito bem para a nova proposta do Novo Santana.

Preço

Apesar de ainda não ter sido divulgadas informações oficiais da fábrica, estima-se que o Novo Santana 2017 custará na faixa de R$ 58 mil a R$ 60 mil. Se as regras forem seguidas conforme o seu principal concorrente, o Chevrolet Cobalt, os preços devem seguir estes modelos:

LT 1.4 manual – R$ 52.690
LTZ 1.4 manual – R$ 57.590
LTZ 1.8 manual – R$ 59.990
LTZ 1.8 automático – R$ 65.990
Elite 1.8 automático – R$ 67.990

Caso a Volkswagen não alinhe os preços de acordo com os concorrentes será difícil fazer valer a pena o lançamento e compra do carro no Brasil.

novo-santana-2017

Principais concorrentes

De acordo com uma conferência realizada numa clínica de São Paulo em  2016 os principais concorrentes anunciados diretamente pela Volkswagen serão o Chevrolet Cobalt, Renault Logan, Fiat Grand Siena e o Nissan Versa.A maioria dos modelos que competirão com o Santana 2017 tem preços que varia, de R$ 42 mil a R$ 58 mil.

Acredita-se que a Volkswagen tente manter os preços na mesma faixa desde a versão de fábrica até a top de linha e que fará as vendas será mais devido ao nome do veículo que ja é muito forte no país, afinal, foram mais de 4 milhões de vendas em toda a sua história.

A popularidade do luxuoso Santanasantana-modelos

O Volkswagen Santana nasceu em berço nacional com a proposta de virar rei, em meados de 1984. Ele foi estreado numa época que os carros pequenos e simples eram a moda, mas diferente de todos, deu um exemplo do que era luxo. A versão era bem quadrada e extensa e, logo conquistou o coração dos brasileiros.

Até então, o mais próximo de um carro de status que a Volkswagen teria lançado era o Passat, originário da década de 1970. No entanto, ainda não era o suficiente para quem queria algo totalmente novo. A ideia, a principio, era inaugurar um estilo Ford Del Rey misturado com Monza – e deu certo.

ultimo-modelo-do-santana

Desde a ascensão do modelo nas ruas brasileiras o Santana teve um novo pico de vendas em 1996 devido a extensa lista de série que compunham o carro, contavam com terceira luz de freio, volante ajustável em altura, bancos com ajuste lombar, novas rodas, bancos de couro, CD Player, teto solar elétrico. Muita tecnologia e conforto para a época.

A situação de rei do luxo manteve a Volkswagen acomodada e quase nenhuma alteração foi lançada após 1996 , a partir daí, iniciou-se o declínio nas vendas que combinou com a ascensão de modelos concorrentes. Apesar de um esquecimento tão longo dos preferidos que aos poucos sumiram das ruas, a história do Santana ainda não teve fim e deve continuar a ser escrita pelos brasileiros em 2017.

santana-modelo-chines

Somente na China o visual permaneceu a encantar e até hoje é considerado um dos 10 modelos mais vendidos no país.

Não se esqueça que também está previsto o lançamento do Passat 2017 ,ele também terá uma proposta parecida e que pode agradar aqueles que tem intenção de investir um pouco menos em um carro novo. Resta esperar os primeiros lotes do Santana para ser testemunha das transformações de um velho amigo e confirmar com seus próprios olhos se as alterações valerão a homenagem do nome.