Palio Rebaixado

Carros rebaixados são admirados por muitas pessoas em muitos lugares. Ainda assim, o carro rebaixado gera algumas dúvidas, como por exemplo, os cuidados necessários com o carro, saber o que muda para o motorista e, principalmente, qual a medida permitida pelo Detran. Um dos modelos de carro bem procurado para essa alteração é o Palio rebaixado, veja mais sobre ele:

Quais cuidados são necessários

Orebaixados carros já saem da fábrica com tudo pronto e em perfeito estado pra sair andando por aí. Por esse motivo, ao optar por alterar um carro com o rebaixamento, é preciso alguns cuidados para não prejudicar a estrutura ou o funcionamento do veículo.

Uma das formas de ter o Palio rebaixado é cortando as molas, a compressão ou  realizar o destemperamento das molas. Esta última técnica funciona, porém pode prejudicar o uso dos amortecedores, o que poderá causar dores de cabeça futuras.

A melhor alternativa para ter um carro rebaixado é utilizando os amortecedores e as molas específicos para carros rebaixados. O valor é um pouco maior do que cortar as molas, mas garante melhor aproveitamento do veículo e evita problemas com a suspensão.

Qual a diferença para o motorista

Ao dirigir um carro rebaixado o motorista deverá tomar alguns cuidados, já que o carro está mais baixo e corre o risco de riscar ou trincar quando sofrer algum impacto maior.

O motorista que dirige um carro rebaixado precisa ter atenção redobrada, pois essa alteração mexe na suspensão do veículo, o que torna o carro um pouco instável nas ruas e estradas, fazendo com os ocupantes sintam o carro balançar um pouco mais do que o normal.

Evite também passar por locais com lombadas, valetas, buracos e entradas de garagem que sejam muito elevadas, pois você estará correndo o risco de prejudicar a suspensão do veículo.

palio

Medida permitida pelo Detran

Antes de você sair rebaixando o seu carro é preciso estar atento as normas e regras do Detran para não sofrer multas e ainda evitar acidentes. Há quem diga que é proibido rebaixar carros, porém existe um limite permitido para modificar o seu veículo.

De acordo com a resolução 227/2007 existe uma altura mínima permitida para os faróis, sendo que a sua luz baixa deve estar entre 500mm e 1.200mm do chão, essa medida é válida para o Palio rebaixado e outros veículos de passeio. Veículos maiores como picapes e caminhões a altura permitida é maior.

Ainda existem outras regras a serem seguidas para rebaixar o seu carro. As rodas não podem ultrapassar os limites externos dos pára-lamas do veículo e nem devem sofrer alterações em seu diâmetro.

O Detran de todo os estados brasileiros também proíbem que os carros rebaixados tenham o chassi ou monobloco substituídos por outros. Vale ressaltar que é importante fazer essa modificação nos locais autorizados pelo Inmetro, garantindo que o seu Palio rebaixado esteja dentro das leis permitidas e evitando problemas futuros.

Ao perceber alguma alteração significativa em seu carro após o rebaixamento, leve-o a um mecânico de sua confiança.


Tags: